Ando muito delicada, acho que não sei mais lidar com as pessoas. Acho que perdi o jeito e meus escudos também, tudo que toca, toca muito. Ai me fecho, recuo, me transformo em silêncio . Por que ando em carne viva, sabe? Descobri que sou muito sensível.

Andréa Beheregaray
In Cartas.

Comentários

  1. percebo, sinto corações de sangue e não de pedra, o meu como o seu sangra todos os dias. Beijoão

    ResponderExcluir
  2. Que lindo texto Andrea!! Emocionante de verdade!
    Um sentimento que compartilho...
    Forte abraço de carne viva para para carne viva!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Árvores Floridas

Ser.

Amores mortos