Declaração de amor - Oi.




As coisas não tem valor em si mesmas, elas ganham valor na dinâmica das relações. Um "Oi" por exemplo, pode ser apenas um simples cumprimento quando você o recebe de uma pessoa qualquer, de um vizinho comum ou do caixa da padaria. Você não vai dar muita importância além daquela de convivência e boa educação e também não vai ficar pensando nisso. 

Agora quando estamos apaixonados por alguém, ainda nos primeiros lances de aproximação e conquista um "Oi" tem um valor imenso. Quando ele ou ela lhe diz "Oi", um singelo "Oi",  tudo muda de figura, a chuva para de cair, o sol aparece e o calor invade sua alma, seu corpo e suas bochechas vermelhas. Seu coração dispara, os olhos brilham e você responde a isso com um "Oi" que nasce de um sorriso radiante. E você passa o dia pensando nisso, no "Oi", no tom do "Oi", nos gestos que acompanharam o "Oi", nas intenções daquele "Oi", se aquilo foi apenas um "Oi" ou um "Oi" de promessa. Você vai lembrar da cena quando for se deitar e acordar com o "Oi" na cabeça. Vai repassar mil vezes o momento do encontro e no outro dia vai torcer por mais um "Oizinho" como se fosse alimento, café da manhã, energético para começar bem o seu dia. 

O "Oi" dos apaixonados é muito mais que isso. "Oi" de gente apaixonada é pedido, é promessa, é sonho, é convite, é desejo, pura expectativa. "Oi" de gente apaixonada é uma declaração de amor.          

Comentários

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Árvores Floridas

É a vida!

Ser.