DISCUTINDO A RELAÇÃO in Vídeo!

Loading...

sábado, 25 de agosto de 2012

O avesso do amor - trechos.






Você esteve comigo hoje em todos os meus gestos, a cada movimento meu pude sentir você aqui, dentro de mim. Laguna, lacunas e frestas no suor do teu abraço. O inviável faz laço e me puxa para perto de ti mais uma vez. Pegos de surpresa pelo desejo que devora sem saber, percorremos distâncias para voltar a encontrar no mesmo lugar. Reflexo no espelho do nosso estranho amor. Amor sapiência. Tua língua afiada, invade minha boca com essa sede tão antiga. Somos silêncio e sabedoria, urgência e saudade, encontro e poesia. Tua casa tão distante e teu sorriso cheio de promessas impossíveis. Meus olhos de mistérios e nossa brincadeira de ser segredo e ausência. O casal mais bonito, o que fomos, ecoa no escuro do quarto. Estou em você e você está em mim. 




Andréa Beheregaray

8 comentários:

  1. ‎Andréa Beheregaray, nossa... preciso recuperar o fôlego. De repente, escorregou algo dos meus olhos... Não sei... tocou!

    ResponderExcluir
  2. Que lindo!
    "Estou em você e você está em mim!" Sei bem como é isso e, posso dizer, é uma das melhores coisas!

    ResponderExcluir
  3. "Tão bom morrer de amor e continuar vivendo."M.Q.
    Lindo e sincero,Andréa.

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. Sempre me identifico,lindo Déa. Me parece, cada vez que leio teus posts, que estamos vivendo momentos semelhantes. Beijos

    ResponderExcluir