Saudades.





"Lembro dos sorrisos, das conversas, dos divãs, dor hormônios, de tudo… e me dá uma saudade irracional de você. Uma vontade de chegar perto, de só chegar perto, te olhar sem dizer nada, talvez recitar livros, quem sabe só olhar estrelas… dizer que te considero. E muito."


Caio Fernando Abreu.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Árvores Floridas

Ser.

Amores mortos