Freud, sexo e o significado das cutucas no face.




Tipo, Oi? hahaha, adorei a imagem!

Das dificuldades que tenho: disfarçar e me fazer de desentendida.

Paulo Ferrareze Filho discutindo no face sobre o significado das "cutucas". 

Pra ele, o mais óbvio, é que a pessoa quer fazer sexo com você - hahaha, não sei da onde ele tirou isso- cutucar alguém é uma das formas mais estranhas de se conseguir sexo.
Outros significados sugeridos foram: "oi", crise existencial, carência, passando a mão na sua bunda.

Eu detesto que me cutuquem, na vida real e na vida virtual. Mas assim quer dar "Oi" dá "Oi", tá carente avisa, faz uma visita pra mãe ou faz uma massagem, quer passar a mão na bunda, passa e aguenta as consequências. Quer fazer sexo? Pelamordedeus NÃO cutuque uma pessoa. Sorri, abana, rebola, manda um beijo, mensagem sedutora mas NÃO cutuca! 

Cutucar uma pessoa para conseguir sexo é querer gastar pouco pra entrar na festa. E se, a pessoa, se considera uma festinha que tá valendo a pena vai exigir mais empenho de você.

Pós TPM Paulinho faz sua observação, com a calma e a sabedoria que lhe são típicas:        


 "Eu acho próprio desse casamento com o mistério que a mulher tem, essa coisa de nunca deixar tudo muito esclarecido Deia... Essa objetividade é mais masculina. Mas to contigo sobre ser direto minha querida! bjao".

Respondo-lhe com sinceridade:
"Paulo eu sei, mas sou masculina. As vezes até queria ser" mais mocinha", mas não consigo disfarçar quando percebo "segundas" intenções rondando. Um problema.Bem guri." 

Traduzindo para língua de Freud :

"Sou direta, masculina portanto (sem dúvida, nunca perco o carro no estacionamento do shopping),  acho um saco disfarçar diante de segunda intenções, racho no meio. Um problema, bem guri."   



Paulinho, um dia desses eu aprendo com você!    




Comentários

  1. Andréa, maravilhoso o seu texto, só discordo de uma coisa: sou bem feminina (sempre perco o carro no estacionamento do shoping rsrsrs) e tb DETESTO (assim mesmo, em maiúsculas!!!)segundas intenções e disfarce... tá chateado, diz... tá afim (junto ou separado?!?) faz... Odeio ter que ficar decifrando o sentimento alheio. Já me bastam os meus... tão femininamente confusos... Bjks e parabéns pelo blog. Divino! Manuela.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

É a vida!

Ser.

Árvores Floridas