Mulçumanofobia.





O 11 de setembro criou uma nova categoria de fobia.

Mulçumanofobia.

_______________________________________________

e a humanidade não aprende.


Andréa Beheregaray 





Comentários

  1. Mais que lamentável. Não só pela representação de que estigmas contaminam a quem não é dotado da capacidade de pensar criticamente, generalizando e categorizando pessoas ou grupos sociais; como também pelo fato de, aceitem ou não, enquanto os europeus e ocidentais em geral pararam de gerar filhos, as muçulmanas têm proles de muitos filhos. O mundo tende, portanto, ao muçulmanismo em larga escala. Para os 'muçulmanofóbicos' pensar.

    bjo.

    ResponderExcluir
  2. Eu conhecia um outro termo igualmente feio: islamofobia. E, tudo tem a ver com a incapacidade de alguns de encontrar na diversidade beleza e encanto.
    Abraços.
    Ali Mazloum

    ResponderExcluir
  3. É lamentável, realmente.
    Tem um livro muito interessante chamado A violência e o sagrado, de René Girard. Ela trabalha a questão da necessidade do homem em encontrar bodes expiatórios sociais. Uma forma de expiar a culpa coletiva. Sempre que um povo se julga superior busca um para oprimir.
    Parace que Hitler não ensinou nada e tanta violência foi em vão.
    Alarmante, para mim o sentimento anti-islã é um perigoso sintoma de algo que ronda e ameaça.
    Quem não conhece a história está condenado a repeti-la.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Árvores Floridas

Ser.

Amores mortos