A outra.






Os que mais sabem não sabem da metade.

Não deixo todos os segredos escaparem de mim, não mesmo.

Uma delicadeza com os outros, eu diria,

pois não quero assustar as pessoas com meu passado.

Em especial aquelas que continuaram gostando de mim após o pouco que souberam.

Mesmo porque aquela, que fez aquilo, nao está mais aqui.

Eu sou literalmente outra.










Fernanda Young
 
 
 

Comentários

  1. Owwwwwww menina, você salvou minha vida com este post.
    Tava mesmo precisando.


    *-*

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Árvores Floridas

Ser.

Amores mortos