terça-feira, 31 de maio de 2011

Sobre médicos e enfermeiras.



"Lembro-me dos prédios velhos de tijolos, das enfermeiras calmas  descansadas, dos médicos rindo, enquanto faziam aquela coisa. Foi ali que aprendi sobre a falácia dos hospitais...que os médicos eram reis e os pacientes eram merda e os hospitais estavam lá para que os médicos pudessem desfilar toda a sua vigorosa e branca superioridade, além de poderem trepar com as enfermeiras."

In Bukowski - Textos autobiográficos


Hegel, Kant e Bukowski.



(...)Hegel e Kant

O que me incomodava
em
todos eles
é que levavam um tempo enorme
para finalmente dizer
alguma coisa viva e /
ou
interessante.
pensava então ter algo a dizer
mais do que todos
eles.

In Bukowski - Textos autobiográficos.
Pág.74. 

segunda-feira, 30 de maio de 2011

L.A - Depoimento de uma viciada.



L.A  - LIVRÓLOGOS ANÔNIMOS.

Eu sou uma viciada, consumo livros desde os 9 anos.

No início era diferente, consumia pouco, 2 ou 3 deles por ano, achava que podia me controlar.

Estava enganada, depois que consumi "Monteiro Lobato" nunca mais parei.

Comecei a gastar mais e mais, todo o dinheiro que eu ganhava eu usava para sustentar meu vício.

Eu não consigo mais trabalhar e me isolei das pessoas, vivo para meu vício.

Perdi o controle sobre minha vida e meus desejos.

Junto com ele veio o vício por café, um foi a porta de entrada do outro.

Hoje humildemente venho aqui assumir 

Eu sou uma viciada.

Eu sofro de LIVRÍCIO. 

sábado, 28 de maio de 2011

quinta-feira, 26 de maio de 2011

LINDAS MULHERES LOUCAS.




 


"Acho que viver com mulheres loucas faz bem para espinha."




MIX DE SENTIMENTOS





Como é o nome do que eu sinto agora?

ANSIALEGREZA

Conhece?

ANA CAROLINA - hoje em Porto Alegre.


Ana traz à Porto Alegre o show Ensaio de Cores. A Ana pinta, já faz algum tempo, e nste show algumas de suas telas são vendidas e parte da renda revertida para Associação de diabetes juvenil. Pra quem não sabe a cantora é diabética desde os 16 anos. Segue o site do projeto  http://www.ensaiodecoresac.com.br/ .

A causa é nobre, claro, e (mesmo que não fosse) eu que sou fã de carterinha da Ana, estarei lá para assistir.
Já faz uma semana que meus ensaios começaram - só ela toca na minha vitrolinha.


Porto Alegre fica bem mais colorida com ela por aqui.


Hoje no Teatro do Sesi - 21h.

terça-feira, 24 de maio de 2011

segunda-feira, 23 de maio de 2011

Caixa de Pandora - meus novos livros.

Chegou hoje, pelos Correios uma caixa cheia de felicidade e desassossego.

Um pacote que eu aguardava ansiosa.

Chegou  e eu já fui logo rasgando a caixa - rasgando, não abrindo, que meu desejo é ávido.

Lá dentro repousavam alheios as minhas expectativas 12 livros - 12 livros lindos!!

Lá por agosto volto ao mundo...

Segue minha lista - é essa gente que vai circular neste blog pelos próximos meses, da pesada!




O avesso e o direito - Albert camus

O Homem revoltado - Albert Camus.

A mulher desiludida - Simone de Beauvoir



 
De profundis- Balada do cárcere de Reading. Oscar Wilde.

Poemas Malditos, Gozosos e Devotos - Hilda Hilst

Do desejo - Hilda Hilst

Fazes-me falta - Inês Pedrosa

Nas tuas mãos - Inês Pedrosa

A céu aberto - João Gilberto Noll

Acenos e afagos -  João Gilberto Noll

Modigliani, biografia -Christian Parisot

Bukowski -Textos autobiográficos


domingo, 22 de maio de 2011

Duas mulheres fortes...


Demora-te sobre a minha hora.

Antes de me tomar, demora.
Que tu me percorras cuidadosa, etérea
Que eu te conheça lícita, terrena
Duas mulheres fortes
Na sua dura hora.

Que me tomes sem pena
Mas voluptuosa, eterna
Como as fêmeas da Terra.
E a ti, te conhecendo
Que eu me faça carne

E posse
Como fazem os homens.


 
Da morte. Odes mínimas. (1980)

Muito cedo já era tarde...




"Muito cedo na minha vida ficou tarde demais.
Quando eu tinha 18 anos já era tarde demais."


 Marguerite Duras

sábado, 21 de maio de 2011

Ana Carolina - Força Estranha





Força estranha - Roberto Carlos.

Uma das mais belas interpretações da Ana Carolina.

Linda como sempre.

quinta-feira, 19 de maio de 2011

Um bom dia apesar do frio.






Hoje que já acordei de sobressalto, salto alto, coração aos pulos, palpitação.

Dia agitado, instável, seguro, de amor, de apuros, de caos e emoção.

hoje, estive bem viva.

No meio do caos, um dia feliz e cheio de vida.





        

segunda-feira, 16 de maio de 2011

CONVITE PARA O LANÇAMENTO - 17 de junho!!!!





DIA 17 NA LIVRARIA CULTURA CONVIDO À TODOS PARA O LANÇAMENTO EM DOSE DUPLA DOS MEUS LIVROS,

"PONTO G - UNIVERSO FEMININO SOB TENSÃO" 


"ESCRITOS MALDITOS"

O primeiro, um livro de crônicas sobre a sexualidade feminina suas sutilezas e complexidade. Um livro que elaborei com a seriedade que o tema exige e com muito bom humor, por que minha crença é de, por mais sério que seja o tema podemos refletir sobre ele com bom humor.

Meu lema é REFLERIR sempre que possível e o PONTO g é isso, a possibilidade de RIRFLETINDO sobre a sexualidade feminina e os temas que circulam no fascinante universo feminino.

Já os Escritos Malditos é inspirado no sensacional escritor Charles Bukowski, um livro de versos apimentados e temas polêmicos, uma espécie de protesto contra a hipocrisia que reina e a violência que impera contra as minorias. Um jeito lúdico de protestar pela palavra, de me posicionar sobre aquilo que acredito. 

É isso, espero vocês para um brinde!



Participação sexta-feira no programa TPM - TUDO PARA MULHER.



Sexta-feira irei participar mais uma vez do programa TPM - Tudo para mulher, com a apresentadora Claúdia Fleury. Desta vez para falar dos meus novos livros, PONTO G - UNIVERSO FEMININO SOB TENSÃO e ESCRITOS MALDITOS, especialmente do PONTO G que tem tudo a ver com o programa.

Pra quem quiser conferir:
Programa TPM - Tudo para mulher
Dia 20 de maio -sexta-feira
Horário: 15h45. 
Canal : ULBRATV



Segue o link programa do ano passado:

sábado, 14 de maio de 2011

DICAS BASCAS




Degustando no momento o livro "Variações sobre o prazer - Santo Agostinho, Nietzsche, Marx e Babette" de Rubem Alves. Presente do meu querido primo Rubens Beheregaray dono do blog http://delirioscausticos.blogspot.com/. Ganhei e não larguei mais é delicioso!! Gosto muito do Rubem Alves, tem uma escrita fluída e intima. Alguns escritores dão a impressão, através dos seus textos, que estão falando sozinhos, falando alto, divagando,  já Rubem Alves fala com o leitoro, para o leitor. Trata temas complexos de forma simples - como ele mesmo escreve no livro é a ruptura com a linguagem dos saberes.    

Agora outra dica vindo direto do país Basco. Para quem não sabe "Beheregaray" é de origem basca. O País Basco é uma região entre o norte da Espanha e o sul da França, especificamente os Alpes franceses. Eu tenho maior orgulho de ter sangue basco - diz a lenda que é um sangue quente. Os bascos possuem uma cultura peculiar e uma língua própria o euskara que até hoje não conseguiram identificar a origem e é considerada uma das línguas mais antigas da Europa. Os Beheregaray pertecem a parte francesa do país, aos alpes. Breve dedico um post sobre o assunto.

Então, recentemente, através do facebook conheci uma pousada no país basco. Os donos, amigos de minha amiga e professora de francês - Mariana Schorn-  me adicionaram e mandaram o site da pousada. Fiquei apaixonada! 




Pousada Aire Berria, a casa é linda ( amo casas antigas), do século XIX, de 1880. Entrem no site e desfrutem. Quem gosta de viajar e ficar em locais diferentes a pousada é a dica. Casas assim são muito mais que local de pouso, são aulas de história, sou fascinada por isso. O bacana é que os donos falam português, Cristina é brasileira e Xabier, basco. Na minha próxima viagem vou dar um jeito de incluir a pousada no meu roteiro, olhem a foto, o que é essa casa?? Linda!

São essas as dicas bascas de hoje! 


sexta-feira, 13 de maio de 2011

PORTFÓLIO, RECALQUE E AS PAQUITAS.


Elaborei um portfólio bacana para divulgar meus livros - ia dizer trabalho mas não considero os livros "um trabalho" tenho um prazer enorme com isso e a palavra trabalho, para mim, é dura demais para conter tanto prazer. Puro princípio do prazer e não de realidade. 
Tenho sentimentos contraditórios em relação ao portfólio (que já está pronto desde março), um lado meu acha narcisista outro, no entanto, acha uma forma legal de divulgar os livros e já que os livros são minha grande paixão divulgo o portfólio mais tranquila. Enfim, eu ia tirar as fotinhos mas Narciso não deixou.É que, na pré-adolescência, eu queria ser Paquita da Xuxa e nunca consegui dai fiquei recalcada. Superando recalque com portfólio, acontece.      

REUNIÕES (ANTI)SOCIAIS, PARA QUE MESMO?



Sempre me senti isolado nessas reuniões sociais: o excesso de gente impede de ver as pessoas...
Mário Quintana


Perfeito. Reuniões socais são o avesso de reuniões intimas, o avesso do  silêncio, da possibilidade de reflexão e aprofundamento. Reuniões sociais foram feitas para circular, bebericar e não falar nada de útil com pessoas estranhas ou que você só conhece de vista - em outra palavras, desconhecidos. Conversas com taxistas parecem mais produtivas. Pior que isso só mesmo quando você vai em festa de casamento e te colocam naquelas mesas redondas com completos desconhecidos. Quando tem uma enorme enfeite no meio ainda é possível evitar o contato visual e estabelecer uma ilha de silêncio e privacidade oportunizado pelo arranjo de flores.

Parênteses - em um destes casamentos eu e meu companheiro (adoro chamar marido de companheiro, acho mais sólido), bom fomos colocados em uma mesa com mais 3 casais. Dois deles eram parentes, pais e a filha com o marido. O tiozinho (pai da moça e sogro do rapaz) não parava de beber. Bebeu, bebeu,bebeu e começou a ficar inconviniente. Eu nem tchun que não me importo desde que não seja comigo a inconviniência. Daqui a pouco ele me olho sério e exclama :

_Sabe, sou que nem o lobo mau...só como vovózinha. Seguido de um silêncio tenso na mesa. 
Respondi.
 _Então o senhor é um lobo bom, mal seria se não comesse.

Risadas nervosas, ele adorou, a filha quase morreu de vergonha e a vovózinha foi embora.

Enfim, reuniões sociais embaralham meus sentidos,muita  informação  (inútil), muita circulação, muito falatório, muito burburinho. Fico completamente desorganizada. Simplesmente não consigo VER!
Reuniões sociais não foram feitas para ver e ouvir o outro, foram feitas apenas para... Pra que serve mesmo uma reunião social?   

terça-feira, 10 de maio de 2011

AA - APAIXONADOS ANÔNIMOS

*



Assim como os AA - alcoólicos anônimos, NA - narcóticos anônimos existe também os Apaixonados anônimos, grupo de pessoas apaixonadas que não pode revelar (ainda) sua paixão. Essa nova categoria de adictos anônimos, que tem sua ansiedade incrementada pelos novos avanços tecnológicos, lidam em grupo com uma questão antiga e suas novas formas de manifestação.  

A antiga questão em pauta, comum a todos os mortais, é a paixão e seus desdobramentos, que por si só já rende muitas lágrimas mundo a fora. O AA no entanto lida com um tipo específico de apaixonado, os recentemente apaixonados. Na categoria "recente" está toda paixão de até dos 2 anos de duração, ainda não revelada. Aquele grupo que está nos estágios preliminares de um relacionamento amoroso, naquele nheconheco dramático do "ligo-não ligo". Em português mais claro é a paixão na fase do jogo - a fase mais pesada do jogo amoroso, jogo mesmo, recheado de estratégias, "fazimentos" e todos os entos possíveis - tormento, sofrimento, apaixonamento, enloquecimento e macumba que não termina com ento mas é necessária como mandinga de apaziguamento da angustia que preenche a espera amorosa. 

Muito comum no AA - apaixonados anônimos, são aqueles que conheceram uma pessoa legal, saíram com ela - a pessoa - umas três, quatro vezes e que estão 'ficando" mas não tem nada oficial. É a fase do "ficando" - ficando desesperadas. 

Escrevo desesperadas- por que esse grupo é composto de basicamente mulheres na faixa dos 30 anos. Aquele grupo que ADORA se relacionar. Sim, por que digo e repito, balzaquianas adoram um romance, não vivem sem, real ou não, as balzaquianas foram feitas para o amor, sem dúvida nenhuma. As que antecedem as balzacas ainda estão batalhando faculdade, trabalho, sonhando com a independência, com príncipes encantados e com uma barriga sarada e bumbum durinho e que juram de pés juntos que a celulite pode ser eliminada com um bom tratamento. Gostam do amor e de relacionamentos, claro, mas estão muito mais centradas em si mesmas e com a cabeça cheia de fantasias.

A turma dos 40 já está mais desencantada, teve uma relação séria, ao menos, e por isso deixou de acreditar na existência de príncipes. Está na fase de reavaliar a relação e é por este período, entre 40-50 que começam a se separar, chutar o pau da barraca e o sujeitinho rabugento que se tornou seu marido. Dividem-se entre aquelas que desencanaram e estão curtindo a independência e a boa fase no emprego, que já não esperam um grande relacionamento amoroso que lhes preencha a vida, mas antes, um companheiro para curtir viagens e jantares, uma parceria mais pé no chão, e aquelas que desencantaram em função de suas altas expectativas amorosas e agora só querem saber de trabalhar e tomam remédios para depressão como se fosse petisco. É um grupo de risco, nem todas suportam encarar a realidade de que príncipes não existem e que para celulite não existe tratamento.

Mas voltando as mulheres do grupo, as que estão ficando e estão apaixonadas. A questão central é que na fase inicial de um relacionamento não é possível ser explicita em relação aos seus sentimentos. É preciso fazer jogo duro. Não que as mulheres gostem de fazer jogo duro, mas por que os homens gostam de jogo duro. Nada apavora mais os homens do que declarações precoces, súbitas e repentinas de afeto. Eles ficam em pânico, podem até estar gostando da pessoa, mas isso lhes soa como uma declaração de guerra em que ele corre o risco de ser capturado, assim como sua valiosa liberdade. Homem gosta de acreditar que não está gostando da mulher até o último minuto. Não pode se sentir sem escolha, ele precisa acreditar que a escolha foi dele (apesar de nunca ser). É o velho instinto masculino animal, não suporta se sentir presa, se enchem de orgulho e virilidade por se sentirem predadores. Sim, sei o que estão pensando meninas, os homens são realmente muitoooo cansativos, tudo culpa da mãe deles.
  
No grupo essas questões dolorosas são trabalhadas, como não se lançar nos braços do amado declarando sua paixão? Como suportar a espera das ligações, das mensagens, dos convites para sair? Tudo cronometrado. Mandou mensagem, quanto tempo ele demora para responder? Chorosas elas respondem sem hesitar 1h, 12 minutos e 17 segundos. Ligou e ele não retornou? Liga outra vez ou espera? Espera quanto tempo? E o que se faz enquanto se aguarda? Roe as unhas? Arranca os cabelos? Afinal você está apaixonada, anonimamente é verdade, ele não pode saber, você não pode dar mole parecendo uma mulher fácil ou desesperada. O grupo vai lhe ajudar a segurar a onda! Mandou email, ele demorou para responder? Demore o mesmo tanto. Entrou no msn? Msn é um Deus nos acuda na vida do AA, ele entrou e você off, você depois de horas de desespero e reflexão sobre "entro-não entro" finalmente entra, e ele? Se falar de cara com você, fantástico, se demorar, nada bom, agora se você entrar e ele não falar com você é a morte!

Por que a modernidade faz isso com os apaixonados, entrar na sala de bate papo e seu amor não falar com você é a mesma coisa que estar em uma festa e ele entrar e ignorar sua presença. Por que antigamente os apaixonados tinham que dar conta de sua paixão de outra forma, o celular era coisa rara, telefone em casa não era para todo mundo, ou você ia até seu pretendente ou você não tinha como saber dele.Era mais olho no olho. Hoje em dia não, o sujeito pode não dar notícias por mais de uma semana, mas as gurias do AA podem rastrear os passos do objeto de amor quase de hora em hora. Pelas redes socias, páginas pessoais e outros meios virtuais, sabem tudo do outro. Com quem ele sai, onde vai, que horas está on-line, o que anda pensando, lendo, fazendo e (credo) quem anda dando em cima dele e em quem ele anda interessado! Quem é aquela fulana na página dele se fresquiando???  Pergunta frequente das moçoilas do grupo.

E quando se encontrarem na próxima vez e ele lhe contar tudo aquilo que você já sabe - por que acompanha a vida dele como uma devota- você terá que fazer cara de novidade e não vai poder cobrar nada sobre as amiguinhas dele. Não é fácil! 

Bom, ai, diante de tanto sofrimento, o melhor é entrar para o grupo do Apaixonados Anônimos, até conseguir fisgar seu peixão e enfim poder declarar todo seu amor. 



P:s - foto tirada no grupo, as revistas são para preservar a privacidade das gurias.   

Programação Santa Maria - Interfaces da criminologia.

segunda-feira, 9 de maio de 2011

Solidão



Somos uma sociedade de pessoas com notória infelicidade: solidão, ansiedade, depressão, destruição, dependência; pessoas que ficam felizes quando matam o tempo que foi tão difícil conquistar.




Erich Fromm

sábado, 7 de maio de 2011

MÃES


Tem mãe de um.



Mãe de dois.


Mãe de muitos!



Mãe precisa saber um pouco de tudo,


são manicures, cabeleireiras.



maquiadoras.


estilistas.



atletas




Cobaias.




Mãe é tudo beijoqueira!



beija muito, muito, muito.


 
beijo na barriga



beijinho na orelha



beijinho de esquimó.


Mãe não é só beijinho


é também proteção e carinho



segurança


 e abrigo


De todos os tipos


Tem mãe que é guerreira



tem mãe que é coragem




tem mãe batalhadora.



tem mãe que é exemplo de luta.


Todas as mães são mágicas,

e trazem dentro de si o mistério da vida.

E o mais importante,

todos os dias é dia das mães! 


Sobre os 40 anos e os pôneis velhos.

Bate os 40, a memória começa a falhar, a visão a nublar; a pele se cansa, descansa e desaba; o cabelo exige dez vezes mais cuida...