De uma pobreza alagoana,


"Será que desisti do amor? Que alívio.

É um processo que vem se arrastando há uns quatro anos, desde o que chamo de The Big Disaster, agora parece que con-so-li-dou-se.

Será que é a idade?

Fico ouvindo as pessoas naquele rodenir de ligou?-vou-ligar-não-sei-se-ligo-se-ligar-dizque-saí etc.&etc.

Eu acho de uma pobreza alagoana".




Caio F. em carta para Magliani, SP - 16.06.92, de



Caio Fernando Abreu - Cartas, organizado por Italo Moriconi, p. 235

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Árvores Floridas

Ser.

É a vida!