segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

O caminho do fácil?


O fato é que tínhamos medo, ou quem sabe alguma espécie de respeito grande, de quem se vê menor frente a outros seres mais fortes e inexplicáveis.

Medo por carência de outra palavra para melhor definir o sentimento escorregadio na gente, de leve escapando para um canto da consciência de onde, ressabiado, espreitaria.

E enveredávamos então pelo caminho do fácil, tentando suavizar o que não era suave."

2 comentários: