E a loucura finge que isso tudo é normal.

Absurdo autorizado, hoje ele, amanhã quem sabe? E vai que por engano seja você?

É preciso limitar, fiscalizar, denunciar. Não se pode acreditar que isso tudo é normal. Quando a sociedade valida o discurso de que "vagabundo bom é vagabundo morto" e " tem mais e´que apanhar" ela dá ao policial direito de vida e morte - direito que ele não tem. Com esse tipo de autorização o limite foi rompido e o controle perdido. E quem tem esse tipo de discurso é tão burro que não percebe que está engatilhando a arma na sua própria cabeça. Nunca vi policial perguntar antes : "vagabundo" ou "cidadão de bem"? Não perguntam, portanto, não reclame e nem sinta-se injustiçado se um dia a violência bater na sua porta ou um policial enfiar a mão na sua cara. Afinal você autorizou e lhe deu esse poder. Por que a casa pode cair pra todo mundo quando o policial esquece sua função e passa a acreditar que é uma espécie de Deus - autorizado.

Do blog do Alexandre. http://alexandremoraisdarosa.blogspot.com/

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Árvores Floridas

Ser.

É a vida!