Função social da internet.


"Frágil – você tem tanta vontade de chorar, tanta vontade de ir embora. Para que o protejam, para que sintam falta. Tanta vontade de viajar para bem longe, romper todos os laços, sem deixar endereço. Um dia mandará um cartão-postal de algum lugar improvável. Bali, Madagascar, Sumatra. Escreverá: penso em você. Deve ser bonito, mesmo melancólico, alguém que se foi pensar em você num lugar improvável como esse. Você se comove com o que não acontece, você sente frio e medo. Parado atrás da vidraça, olhando a chuva que, aos poucos começa a passar." Caio F.
Quem nunca desejou sumir, desaparecer? Naqueles dias nublados, de profunda carência. Naqueles dias que você acorda com imensa vontade de continuar dormindo? Abre um olho só, vira para o lado e nada consola. Nem chá quente, nem beijo-esmola?

Nesse dias, que deveriam mesmo ser chamados de noites, dá essa vontade imensa de que fala o Caio F. E caso você não saiba, Caio F. vem abreviado por que Caio é Foda. Esses dias nublados de que fala Caio, hoje já tem remédio. Temporário mas eficaz. Já conto o que é, mas antes quero dizer que Caio F. não o conhecia. O que fez para ele toda diferença, ou melhor, para nós, herdeiros dos dias frágeis do Caio. Pra ele, nesses dias cinzas, na impossibilidade de sumir concretamente, ele escrevia. Transformou fragilidade em poesia, desespero em palavra.

Caio como muitos outros fez da dor, arte. Piaf cantou seu desamparo, Channel costurou com a ponta da agulha sua solidão, Modigliani pintou seu abandono, assim como tantos outros que reciclam sua dor. Talvez sem isso, muitos deles teriam cometido suicídio. A a arte é a prevalência da pulsão de vida sobre a pulsão de morte.

Mas na época deles não existia algo que hoje possuímos e que tem diminuído e muito o índice de suicídio.

O que? As redes de relacionamento!

Eu, por exemplo, já cometi orkuticídio 3 vezes! Vou lá, me mato, bebo choro, sofro e tchum!

Morri! Áh que alívio! Pronto, me vingo da vida, das redes sociais e de todos os meus amigos ingratos que não sentem minha falta e nem percebem minha presença virtual.

Mas o pior é que passa um mês e ninguém notou que você morreu! No suicídio concreto, pelo menos vão ao seu enterro, curiosos e perplexos, mas o melhor é que vão culpados! Ninguém sabe bem por que, mas todos ficam se culpando, "será que poderia ter estado mais presente?", "nunca mais liguei para ela" ou "como eu não notei". Todos na fantasia de que poderiam ter evitado.

Bom, o orkut não dá o gosto de deixar a culpa para os outros mas já ameniza bastante.

O facebook não vale que lá o suicídio é temporário, você morre e volta com os mesmo contatos. Se é para morrer que seja pra valer! No orkut, portanto. E lá, mais uma vantagem, em caso de arrependimento você pode ressuscitar. Eu, recentemente, voltei a vida e voltar a vida assim, só no mundo virtual.

Comentários

  1. Acabei de ressuscitar no facebook!

    :D~

    ResponderExcluir
  2. E como tenho essa vontade, sumir!

    ...'Abre um olho só, vira para o lado e nada consola..." para depois transformar ..."fragilidade em poesia, desespero em palavra."

    E Caio é muito f* mesmo! MUITO, MUITO!
    Me deleito em cada palavra por ele escrita,obrigada!
    Ele é quem me faz consolo num dolorido abrir de olhos!

    :*

    ResponderExcluir
  3. AMEIII...
    Nesse fim de domingo banal e melancólico, finalizei com uma boa risada...

    "Mas o pior é que passa um mês e ninguém notou que você morreu! No suicídio concreto, pelo menos vão ao seu enterro, curiosos e perplexos, mas o melhor é que vão culpados! Ninguém sabe bem por que, mas todos ficam se culpando, "será que poderia ter estado mais presente?", "nunca mais liguei para ela" ou "como eu não notei". Todos na fantasia de que poderiam ter evitado,"

    Muito bom.


    Beijos e bom inicío de semana, salve-se quem puder!

    ResponderExcluir
  4. hahaha, amei!
    Se for sumir me avisa, vou junto!
    bjos querida

    ResponderExcluir
  5. ORKUT é pra quem escuta dance music em posto de gasolina. DECRETEI

    ResponderExcluir
  6. é por isso que me mato, entro em conflito.

    Quando morro no orkut vou para o posto de gasolina beber cerveja sentada no capô em dia frio. Pior, ouvindo dance music.

    É que em dias de morta, faço isso :)

    ResponderExcluir
  7. hahaha, dio santo, posto de gasolina, capô, frio, dance music, jesuisssss!!

    Mas esse post-o me fez refletir sobre o assunto, acho que vou me suicidar no orkut também.

    Vou pensar seriamente sobre...

    hehehe

    ResponderExcluir
  8. Gurias!
    Vamos combinar uma morte coletiva, talvez assim tenha mais efeito!

    Não morre agora Fernanda! :(

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

É a vida!

Ser.

Amores mortos